Assim como o tempo passa

Assim como o tempo passa
já posso ser o que sou
breve chuvisco de tarde
nublado pela manhã
sol em neve declinado
seco mar fresca aridez
Não deixo nem testamento
nem memória do que vi
as vozes que me habitaram
os corpos que me queimaram
não sei que sorte tomaram
nem que levaram de mim
É certo, julgamos sempre
olhar de frente o futuro
mas o que vemos é só
um braço de rio parado
muro de gruta pintado
a fazer vez de presente


(…)


António Franco Alexandre

Uma fábula

Anúncios

~ por salamandrine em Março 23, 2009.

6 Respostas to “Assim como o tempo passa”

  1. gostaria saber o significado deste poema.. o que quer o autor dizer com isto.

  2. se não significa nada para ti, queres saber o quê?

    • foi um poema k me dedicaram e keria perceber o seu significado por inteiro, foi a 1ª x k o li…

  3. foi um poema k me dedicaram e queria saber o seu significado por inteiro… foi a 1ª x k o li…

    • muito provavelmente saberás interpretar melhor, sabendo quem te ofereceu a dedicatória.

      que percepção tens dessa pessoa. o que pensa essa pessoa de si (ela), na relação contigo.

      será uma pessoa que não se vê no futuro? será uma pessoa que vê o seu passado apenas esquecido?

      será uma pessoa que também escreve com k o que não se escreve com k?

  4. hum, interessante… passa um pouco por aí… mas tb alguem k gosta de ser um solitário, c/ uma vida estagnada e escolhe essa opção como forma de viver, pk é assim k se considera feliz…

    thanks.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: