Hatchepsut

Hatchepsut

Olhando fixamente para o que restava da grande rainha-faraó enquanto a iluminação era montada, dei por mim a pensar por que era tão importante autenticar o seu cadáver. Por um lado, o que daria mais vida à espantosa história do Antigo Egipto do que esta mulher preservada, desafiando a natureza e as forças da decadência? Aqui estava ela, entre nós, como uma embaixadora da antiguidade.

 


texto de Chip Brown na NG de Abril

foto de Kenneth Garrett

Anúncios

~ por salamandrine em Abril 1, 2009.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: