Continuo a rir

de cada vez que ouço que o novo horário da feira do livro é adaptado ao ritmo citadino.

das duas uma, ou fizeram o habitual em terras lusas e adoptaram um modelo de fora (digamos, espanhol, com direito a siesta), completamente desadequado à realidade citadina que vivemos deste lado da fronteira, ou leram as Cidades Invisíveis once too many e agora vivem numa qualquer utopia.

Anúncios

~ por salamandrine em Maio 2, 2009.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: