Ruy Duarte Carvalho

e se eu fizer da ausência
uma grafia apenas
para desfraldar
numa toalha em branco?

um arremesso audaz de tinta preta
que adira às ondas
de um lençol de vento?

um sopro frágil
que atravesse a noite
para insinuar-se na distância vaga?


Ruy Duarte de Carvalho
Angel’s Factory, Lavra
Livros Cotovia

se eu fizer

Anúncios

~ por salamandrine em Agosto 12, 2010.

Uma resposta to “Ruy Duarte Carvalho”

  1. Foice.. (não é gralha, infelizmente)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: