à espera de Fausto

primeiro a pausa. descubro, ao sair antes das cinco, a uma sexta-feira, que ainda tenho cérebro. que ele até existe para lá dos números. a minha alma regozija-se com o facto de (re)começar a recuperá-la. mergulho na confusão. espalho livros. perco-me. esqueço-me. e regresso. a alma lavada no melhor do que eu sou, perdida e desordenada (desorientada?) em letras.

Anúncios

~ por salamandrine em Agosto 15, 2010.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: